☺ CAPA • Débora Bloch 54 Anos

▒ CIDADE • Ourém (PA) 255 Anos

▒ NASCIMENTOS • Sebastian Lewis Shaw • John Fitzgerald Kennedy • Danny Elfman • Ted Levine • Annette Bening • Gretchen • Rupert Everett • Luís Roberto • Noel Gallagher • Danton Mello • Juliana Knust • Fernanda Motta • Ana Beatriz Barros • Carmelo Anthony • Kyra Gracie

▒ FALECIMENTOS • Bartolomeu Dias • Mary Pickford • Romy Schneider • João Carlos de Oliveira • Dennis Hopper • Márcio Ribeiro

1 ▒ POSTER e VÍDEOS

GALERIA de VÍDEOS
Principais Vídeos da WEB publicados no Acontecimentos do Dia e outras WEB TVs da Rede Sampaio

2 ▒ NASCIMENTOS

1905Sebastian Lewis Shaw ▒ Sebastian Lewis Shaw (Holt, Norfolk, 29 de maio de 1905 — Brighton, East Sussex, 23 de dezembro de 1994) foi um ator inglês que interpretou o personagem Anakin Skywalker (Darth Vader) no filme Star Wars: Episódio VI – O Retorno de Jedi.

1917John Fitzgerald Kennedy ▒ John Fitzgerald Kennedy (Brookline, 29 de maio de 1917 — Dallas, 22 de novembro de 1963) foi um político estadunidense que serviu como 35° presidente dos Estados Unidos (1961–1963) e é considerado uma das grandes personalidades do século XX. Ele era conhecido como John F. Kennedy ou Jack Kennedy por seus amigos e popularmente como JFK. Eleito em 1960, Kennedy tornou-se o segundo mais jovem presidente do seu país, depois de Theodore Roosevelt. Ele foi Presidente de 1961 até o seu assassinato em 1963.


1953Danny Elfman ▒ Daniel (Danny) Robert Elfman (Los Angeles, California, 29 de maio de 1953) é um cantor e compositor estadunidense, responsável por diversas trilhas musicais do cinema. Danny Elfman inciou na música como líder da banda Oingo Boingo, fundada por seu irmão Richard Elfman em 1972, cujo maior sucesso foi a canção “Stay”, nos anos 80.


1957Ted Levine ▒ Ted Levine (Bellaire, Ohio, EUA, 29 de maio de 1957) é um ator estado- unidense. Participou em filmes e séries famosas, como O Silêncio dos Inocentes (1991) como o serial killer “Buffalo Bill”, e Monk – Um detetive diferente, como o capitão Leland Stottlemeter.


1958Annette Bening ▒ Annette Carol Bening (Topeka, 29 de maio de 1958) é uma atriz norte- americana conhecida por seu trabalho em filmes como Beleza Americana, pelo qual concorreu ao Oscar. e Bugsy. Em 2004, o talento de Bening seria finalmente reconhecido com o Globo de Ouro de Melhor Atriz conquistado em Adorável Julia.


1959Gretchen ▒ Maria Odete Brito de Miranda Marques (nascida em Rio de Janeiro, 29 de maio de 1959), artisticamente conhecida como Gretchen, é uma cantora, dançarina, youtuber, empresária e, ocasionalmente, atriz brasileira. É irmã da cantora Sula Miranda e mãe do ator Thammy Miranda.


1959Rupert Everett ▒ Rupert James Hector Everett (Norfolk, 29 de maio de 1959) é um ator britânico É declaradamente homossexual, e disse em uma entrevista ao jornal The Guardian, em 2009, que o fato de ter assumido sua homossexualidade o fez perder vários papéis de protagonista.


1962Luís Roberto ▒ Luís Roberto de Múcio Paranhos (São João da Boa Vista – SP , 29 de maio de 1961), é um jornalista e narrador esportivo brasileiro. Na Rede Globo, faz a cobertura de vários eventos esportivos, é o narrador titular da equipe carioca da emissora e apresenta os blocos esportivos do RJTV 1ª edição (ao lado de Júnior) e do Jornal da Globo às segundas-feiras.

1967Noel Gallagher ▒ Noel Thomas David Gallagher (Manchester, 29 de Maio de 1967) é um músico britânico. Foi o guitarrista, vocalista e principal compositor do Oasis, banda que liderou juntamente com seu irmão Liam Gallagher. Noel escreveu todas as músicas do primeiro disco com quase nenhuma ajuda do resto do grupo. Atualmente é o líder da banda Noel Gallagher’s High Flying Birds, fundada por ele após sua saída do Oasis em 2009.


1975Danton Mello ▒ Danton Figueiredo Melo (Passos, 29 de maio de 1975) é um ator brasileiro. Dublou o ator Leonardo DiCaprio em quatro longas- metragens, incluindo Titanic, e River Phoenix que fazia o jovem Indiana Jones no prólogo de Indiana Jones e a última Cruzada.


1981Juliana Knust ▒ Juliana Knust Sampaio (Niterói, 29 de maio de 1981) é uma atriz brasileira. A atriz iniciou sua carreira na temporada 1997 de Malhação. Porém, foi em 2003, ao atuar ao lado de Malu Mader na telenovela Celebridade, onde interpretou Sandra, que Juliana consolidou sua carreira.


1981Fernanda Motta ▒ Fernanda Motta (Campos dos Goytacazes, 29 de maio de 1981) é uma apresentadora e modelo brasileira. Residindo em Nova York desde 2003, foi considerada pelo site norte-americano “Models.com” como uma das 25 modelos mais sexy do mundo.


1982Ana Beatriz Barros ▒ Ana Beatriz Barros (Itabira, 29 de maio de 1982) é uma modelo brasileira. Tornou-se uma das top models brasileiras mais requisitadas internacionalmente e foi convidada pessoalmente pela cantora Jennifer Lopez para ser a garota-propaganda de sua grife de roupas.  Em 2013, participou do quadro Dança dos Famosos 10, no Domingão do Faustão[4][5][6].


1984Carmelo Anthony ▒ Carmelo Kyam Anthony (Nova Iorque, 29 de maio de 1984), apelidado de “Melo”, é um jogador norte-americano de basquete profissional que atua pelo New York Knicks da NBA. [1] Como membro da Equipe Nacional dos EUA, Anthony ganhou uma medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de 2004, e medalhas de ouro nos jogos de 2008, 2012 e 2016.


1985Kyra Gracie ▒ Kyra Gracie Guimarães (Rio de Janeiro, 29 de maio de 1985) é uma lutadora brasileira pentacampeã mundial de Jiu-Jitsu, tri- campea do ADCC e integrante da família Gracie. Família que difundiu o esporte no Brasil e no mundo e se tornou referência mundial com seu estilo próprio de arte marcial brasileira, que sagrou inúmeros campeões em variados torneios. Kyra também é apresentadora do Sportv.

3 ▒ CAPA do DIA

Débora Bloch

54 Anos

Debora Bloch (Belo Horizonte, 29 de maio de 1963) é uma atriz e produtora brasileira, de teatro, cinema e televisão. [1]

Conhecida nacionalmente por participar de novelas, como Cambalacho, Salsa e Merengue, A Lua Me Disse, Caminho das Índias, Cordel Encantado, Avenida Brasil e Sete Vidas.

Biografia

É filha do também ator Jonas Bloch,[1] parente distante do fundador da Rede Manchete, Adolpho Bloch.

Seu bisavô (avô paterno de Jonas) era irmão de Joseph Bloch, pai de Adolpho, conforme citado no livro Os Irmãos Karamabloch, escrito por Arnaldo Bloch, sobrinho-neto de Adolpho.

Debora Bloch com o pai, Jonas Bloch.

Seu contato com as artes cênicas começou cedo, quando, ainda pequena, ela e a irmã acompanhavam o pai, a ensaios e montagens de peças teatrais.

Aos sete anos, viu o pai lutar esgrima com Walmor Chagas no quintal de sua casa, durante um ensaio de Hamlet.

Cresceu fascinada com a profissão.

Aos 17 anos, após fazer o curso de Ivan Albuquerque, Rubens Corrêa e Amir Haddad no teatro Ipanema; embora tenha passado para duas opções no vestibular – História e Comunicação; escolheu seguir carreira nos palcos.[1]

Debora Bloch em Bete Balanço, com Diogo Vilela.

Sua estreia profissional foi, em 1980, na peça Rasga Coração, substituindo Lucélia Santos.

Nesse mesmo ano fez uma participação especial em Água Viva.

Passou a integrar o grupo teatral Manhas e Manias, que apresentava espetáculos cheios de humor, circo e música, sendo contemporânea dos atores Andréa Beltrão, Chico Diaz e Pedro Cardoso, com quem encenou peças como Brincando com Fogo, em 1982, e Recordações do Futuro, em 1983, criações coletivas do grupo, que ganhou 13 prêmios por seus espetáculos infantis.

Debora Bloch com o pai Jonas Bloch e os filhos Júlia e Hugo.

Ao todo, atuou em dez peças, entre elas Fica Comigo Esta Noite, de 1990, com a qual foi premiada com o Shell de melhor atriz; Cinco Vezes Comédia, de 1996; Duas Mulheres e Um Cadáver, de 2000, em que dividiu o palco com Fernanda Torres; e Tio Vanya, de 2003, em que além de atuar e contracenar com o ator Diogo Vilela, foi responsável também pela produção da peça, tendo recebido o prêmio Qualidade Brasil de melhor atriz teatral na categoria Drama.

Debora Bloch no teatro, com Fernanda Montenegro e Fernanda Torres.

1981 – 1999

A estreia na TV Globo aconteceu em 1981, quando foi escalada para fazer a personagem Lívia na novela Jogo da vida, com o qual ganhou o prêmio de atriz revelação da Associação Paulista de Críticos de Arte.

Em 1982, emendou com a personagem Clara de Sol de Verão, em que contracenou com Tony Ramos, Jardel Filho e Irene Ravache.[1]

Debora Bloch em Bete Balanço, com Hugo Carvana – Cartaz de promoção do filme.

Fazendo cinema e teatro ao mesmo tempo em que dava os primeiros passos na TV, ficou reclusa das novelas por quatro anos, limitando-se a participações especias em seriados da emissora.

Em 1984, participou da trilha musical de Bete Balanço, sua estreia nos cinemas, com o qual ganhou o prêmio Air France de melhor atriz.

Depois, atuou no longa Noites do Sertão, que lhe valeu os prêmios de melhor atriz no 17º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, no 17º Festival Brasileiro de Cinema de Gramado,[2] e no 24º Festival de Cinema de Cartagena.[2]

Foi o início de uma carreira cinematográfica que inclui dez atuações em filmes.

Em 1986, adotou uma postura masculinizada para viver a mecânica Ana Machadão da novela Cambalacho.

Debora Bloch com os filhos, Hugo e Júlia, frutos do casamento de 15 anos com o chef e apresentador de TV Olivier Anquier.

Com a estreia do humorístico TV Pirata, em 1988, mostrou versatilidade e talento para o humor ao interpretar diferentes personagens em uma série de esquetes e quadros fixos.

Adelaide Catarina, a repórter de TV cheia de tiques, foi uma das que entraram para a galeria de tipos inesquecíveis do programa.[1]

Debora Bloch com a filha, Júlia.

Em 1990, o TV Pirata saiu do ar, para voltar a ser exibido dois anos depois.

Nesse intervalo, foi escalada para a minissérie A, E, I, O… Urca e, em 1991, atuou no humorístico Doris para Maiores, primeiro programa regular a contar com as atuações do grupo Casseta & Planeta.

Com o fim do TV Pirata em 1992 voltou a fazer novelas, tendo participado de Deus nos Acuda.

Debora Bloch com o filho, Hugo.

Em 1993 participou do embrião da série A Comédia da Vida Privada que foi exibido dentro de um Brasil Especial, e depois, em 1995, participaria de mais três episódios da série em si.

Em 1994 aceitou o convite para viver a protagonista do remake de As Pupilas do Senhor Reitor, transferindo-se para o SBT.[1]

E ainda esteve presente no elenco do filme Veja Esta Canção tendo recebido o prêmio de melhor atriz no Festival Latino – Americano de Rhode Island[2] (EUA) e Associação Paulista de Críticos de Arte.

Morou por dois anos em São Paulo com o marido, o francês Olivier Anquier, e a filha Júlia até voltar para a TV Globo, em 1996, no papel da sofisticada e irônica Teodora de Salsa e Merengue. [1]

Debora Bloch com a filha Júlia, na praia.

Também em 1996 atuou em vários episódios da série A Vida Como Ela É…, exibida dentro do dominical Fantástico.

Em 1998, fez parte do elenco fixo do humorístico Vida ao Vivo Show, sitcom exibida dentro do dominical Fantástico[1]e, em 1999, co-protagonizou Andando nas Nuvens, na pele da jornalista Júlia Montana.

Débora Bloch em Andando nas Nuvens, 1999. TV Globo.

2000 – até o presente

A partir daí seriam mais seis anos sem fazer novelas tendo participado de outras produções da emissora, entre elas, a minissérie Invenção do Brasil de 2000, produzida em comemoração aos 500 anos da descoberta do Brasil, trabalho esse que também ganhou uma versão para o cinema.

Na minissérie, interpretou Isabelle, francesa que disputa o amor de Caramuru (Selton Mello) com a índia Paraguaçú (Camila Pitanga).

Em 2004, protagonizou ao lado de Andréa Beltrão e Diogo Vilela, o quadro do Fantástico, As 50 Leis do Amor.

Em 2005 retornou as novelas atuando em A Lua me Disse, como a politicamente incorreta Madô, dondoca consumista e inescrupulosa, que caiu nas graças do público.[1]

Na programação da Rede Globo desse dado ano, atuou no piloto do humorístico Toma Lá Dá Cá, como Rita, personagem que na série original seria feita pela atriz Marisa Orth.

Daí em diante inicia uma série de participações em minisséries.

Em 2006, após a desistência da atriz Maria Fernanda Cândido de integrar o elenco da minissérie JK, devido a sua gestação, Débora a substituiu dando vida à corista Dora Amar.

No ano seguinte, encarnou personagem de grande destaque na minissérie Amazônia, de Galvez a Chico Mendes, onde deu vida a Beatriz, amante do protagonista Galvez, de José Wilker.

Debora Bloch cm elenco de ‘Queridos Amigos’.

Por último, em 2008, despontou como a artista plástica Lena da minissérie Queridos Amigos.

Em 2009 co-protagonizou a novela Caminho das Índias, como Sílvia, mulher que inicia a trama casada com um empresário rico, porém vive um casamento infeliz.[1] Sua personagem então busca refúgio na amizade da amiga dos tempos de escola Yvone, sem saber que essa almeja dar um golpe em seu marido.

“É uma loucura ver como as mulheres são ignorantes sobre si mesmas e desequilibradas afetivamente. No fundo são muito sozinhas e carentes”

Débora Bloch / Fonte: KdFrases

Debora Bloch com Júlia, sua filha.

Foi protagonista da série Separação?!, com a protagonista Karin.

Foi casada durante quinze anos com o apresentador e empresário francês Olivier Anquier e tem dois filhos, Júlia e Hugo.[2]

De 2004 a 2011 a atriz foi a locutora oficial da rede de rádios Oi FM.

A atriz esteve no ar em Cordel Encantado na pele da vilã Duquesa Úrsula, sendo muito elogiada pela sua atuação.

Em 2012, interpretou a consumista e fútil Verônica em Avenida Brasil, uma das esposas do executivo mulherengo Cadinho (Alexandre Borges). [1][3]

Em 2013 é escalada para a refilmagem de Saramandaia, no qual interpretou Risoleta, originalmente vivida por Dina Sfat na primeira versão.[4][5][6]

Em 2015, interpreta a jornalista Lígia em Sete Vidas, repetindo par romântico novamente com Domingos Montagner.[7][8][9][10][11][12]

“Dar exemplos é mais eficaz do que dar conselhos. Sua atitude na vida ensina mais.”

Débora Bloch / Fonte: KdFrases

Débora Bloch

Debora Bloch

(Belo Horizonte, 29 de maio de 1963)

54 Anos

4 ▒ ACONTECIMENTOS

1453Queda de Constantinopla; o sultão otomano Mehmed II conquista Constantinopla depois de um cerco de seis semanas, pondo fim ao Império Bizantino, um evento que muitos consideram marcar o fim da Idade Média e o início da Idade Moderna.



1919 — Observação de variações na posição de estrelas durante o eclipse solar total confirma a teoria da relatividade de Albert Einstein.



1953 — O Sherpa Tenzing Norgay e Sir Edmund Hillary são os primeiros a atingir o cume do Monte Everest.


5 ▒ FALECIMENTOS

1500Bartolomeu Dias ▒ Bartolomeu Dias (ca. 1450 — 29 de maio de 1500) foi um navegador português que ficou célebre por ter sido o primeiro europeu a navegar para além do extremo sul da África, dobrando o Cabo da Boa Esperança e chegando ao oceano Índico a partir do Atlântico.


1979Mary Pickford ▒ Gladys Marie Smith, mais conhecida pelo nome artístico de Mary Pickford (Toronto, 8 de abril de 1892 — Santa Mônica, 29 de maio de 1979), foi uma atriz e produtora canadense radicada nos Estados Unidos. Conhecido como a “Queridinha da América”, “Pequena Mary” e “A moça com os cachos”, ela foi um dos pioneiros do Canadá no começo de Hollywood e uma figura importante no desenvolvimento dos filme de ação.


1982Romy Schneider ▒ Romy Schneider, nome artístico de Rosemarie Magdalena Albach (Viena, 23 de setembro de 1938 — Paris, 29 de maio de 1982) foi uma atriz austríaca que atuou no cinema europeu, especialmente no francês. Aos 17 anos, em 1955, Schneider tornava-se famosa ao viver Sissi, a imperatriz-adolescente da Áustria, no filme do mesmo nome.

1999João Carlos de Oliveira ▒ João Carlos de Oliveira, conhecido como João do Pulo (Pindamonhangaba, 28 de maio de 1954 — São Paulo, 29 de maio de 1999), foi um atleta, especializado em saltos, sendo ex-recordista mundial do salto triplo, medalhista olímpico e tetra- campeão pan-americano no triplo e no salto em distância, militar e político brasileiro. Militar por formação profissional, após abandonar o atletismo em virtude de um desastre automobilístico em que perdeu uma perna, tornou-se político, sendo eleito para dois mandatos como deputado estadual em seu estado natal, São Paulo.


2010Dennis Hopper ▒ Dennis Lee Hopper (Dodge City, 17 de maio de 1936 — Venice, 29 de maio de 2010) foi um ator e cineasta norte- americano. Ficou famoso mundialmente ao dirigir e estrelar ao lado de Peter Fonda e Jack Nicholson o filme Sem Destino (1969).


2013Márcio Ribeiro ▒ Márcio Ribeiro (São Paulo, 12 de maio de 1964 — Brasília, 29 de maio de 2013) foi um ator e humorista brasileiro. Tornou-se conhecido nacionalmente por apresentar durante 5 anos o programa infantil X-Tudo na TV Cultura.

6 ▒ FERIADOS e EVENTOS CÍCLICOS

Portugal

Turquia

7 ▒ TRAGÉDIAS da HUMANIDADE

  • 1969 — Estoura em Córdova (Argentina) um movimento de trabalhadores e estudantes, conhecido como o Cordobazo, que causou a morte de 14 pessoas.
  • 1998 — A FEPASA (Ferrovia Paulista S.A.) é extinta ao ser incorporada a RFFSA (Rede Ferroviária Federal), iniciando-se assim o processo de privatização da malha ferroviária brasileira.

8 ▒ CIDADES ANIVERSARIANTES

Dados do IBGE

Dia Mês Código Nome da cidade
29 05 430020 Ajuricaba (RS)
29 05 430630 David Canabarro (RS)
29 05 430990 Ibiraiaras (RS)
29 05 150540 Ourém (PA)
29 05 292870 Santo Antônio de Jesus (BA)
29 05 292910 São Felipe (BA)
29 05 355050 São Pedro do Turvo (SP)
29 05 293120 Taperoá (BA)
29 05 432240 Uruguaiana (RS)

OurémPA

255 Anos

29 de maio de 1762

ourem.pa.gov.br

Ourém é um município brasileiro do estado do Pará. Localiza-se a uma latitude 01º33’07” sul e a uma longitude 47º06’52” oeste, estando a uma altitude de 40 metros. Sua população estimada em 2016 com cerca de 17.237. Possui uma área de 602,5659 km².

Ourém localiza-se à 182 quilômetros da capital paraense. A rodovia de acesso, a PA-124, encontra a BR-316 na altura do quilômetro 142 e está em perfeitas condições, o que garante uma viagem de até duas horas e meia em carro próprio. Do Terminal Rodoviário de Belém saem, diariamente, dois ônibus com destino ao município.

Turismo

Conhecida como “A Pérola do Guamá”, o município de Ourém, localizado no nordeste do Estado, encanta não somente por suas belezas naturais, matas virgens e igarapés de água cristalina, como também pela simplicidade e acolhimento dos ouremenses.

O pequeno povoado, fundado por famílias açorianas no século XVIII, é hoje um município com grande potencial turístico, mas ainda inexplorado.

Logo na chegada, o visitante tem uma prévia do que encontrará: a divisa com Bonito – a ponte sobre o rio Caeté – é o marco inicial da cidade e também parada obrigatória para que o visitante se delicie com um bom banho de rio.

Aliás, o que não faltam são opções para banhos, já que a cidade também possui o título de “paraíso dos igarapés”.

Além do rio Guamá, que fica na parte central, existem mais de 12 igarapés, todos com água cristalina filtrada pela jazida de seixo existente em Ourém, a maior do Pará.

Câmara Municipal – Ourém (PA) – 255 Anos

No balneário das Pedrinhas está o igarapé Cafeteua, onde é possível fazer trilhas, andar a cavalo e passear de charrete.

Outros balneários, como o da Tia Loura e do Carié, são também boas opções de divertimento.

Com pouco mais de 28 mil habitantes, Ourém tem o ar calmo das cidades do interior: casas simples, ruas estreitas, clima tranquilo e convidativo para um passeio pela praça Magalhães Barata.

Hotel Fazenda Igarapé das Pedras – Ourém (PA) – 255 Anos

 A orla da cidade, à margem do rio Guamá, é um dos cartões- postais de Ourém.

Desfile das Escolas no 7 de setembro – Ourém (PA) – 255 Anos

Festival de música

A grande atração da cidade é o Festival da Canção Ouremense, que acontece no penúltimo final de semana do mês de julho, na concha acústica do Complexo Cultural e Turístico de Ourém, às margens do rio Guamá, construída especificamente para esse fim.

O festival acontece desde 1983, e reúne os maiores compositores, músicos e intérpretes da música paraenses.

Começou com a iniciativa de um grupo de jovens do município, e atrai artistas de todo país. Durante os três dias de competição, realizada na concha acústica, a cidade recebe cerca de 10 mil visitantes.

A concha foi construída em 2002 e se transforma em palco, durante o ano todo, para as diferentes manifestações regionais, como bois-bumbás e cordões de pássaros.

Religião

Marca forte do povo ouremense é a religiosidade.

A igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, construída em 1939 no estilo gótico, é palco de duas grandes festividades anuais: a festa da padroeira e a de São Benedito.

O Círio de Nossa Senhora da Conceição acontece sempre no terceiro domingo de agosto, com saída da capelinha, o ponto mais alto da cidade, percorrendo as principais ruas até chegar à matriz.

As homenagens a São Benedito são feitas no dia 24 de dezembro e reúnem visitantes dos municípios vizinhos.

Prefeitura – Ourém (PA) – 255 Anos

Economia

A economia de Ourém é baseada na exploração de seixo, brita e areia. A produção de seixo é a maior do Estado, chegando a mais de 700 metros cúbicos por dia, e é responsável pelo abastecimento da capital paraense. Além disso, 60% da população ouremense vivem da agricultura familiar e outros sobrevivem com as olarias.


Porta-bandeira no desfile das Escolas no 7 de setembro – Ourém (PA) – 255 Anos

9 ▒ GALERIA de FOTOS

10 ▒ CRÉDITOS

Datas, fatos e os nascimentos mais importantes no Brasil e no Mundo, em todos os dias do ano, ilustrado com fotos e curiosidades.

SITE ► acontecimentosdodia.com

FONTE PRINCIPAL ► WIKIWAND

OUTRAS FONTES de PESQUISA:

Cidades IBGEFilmowAdoro CinemaBIO (facebook)GShowAniv.DiaAniv.FamososHistoryHistory (facebook)

Paul Sampaio, perfil, 1  Paul Sampaio – Autor

PESQUISA e REALIZAÇÃO

Escrito por Paul Sampaio

PAUL SAMPAIO CHEDIAK ALVES é professor, locutor, apresentador de rádio e TV, web designer e diretor fundador da REDE SAMPAIO de Televisão e Sites.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s